TU REALMENTE PRECISA SAIR?

A população largou de mão. Essa é a realidade. É cada dia mais comum o movimento na rua, bares e restaurantes. O fique em casa não existe mais.

Nessa altura é difícil conhecer alguém que não furou a quarentena, até porque nunca tivemos uma quarentena exemplar. Ficamos pouco mais de 15 dias realmente isolados quando a doença nem estava aqui na serra. E agora em plena infestação da doença, tentamos aceitar que é normal viver no meio de uma pandemia altamente contagiosa.

O cansaço venceu a noção. Cansaço se da muito na espera de uma resposta firme consistente para controle da doença por parte do poder publico, na qual não aconteceu e foi aceitável conviver com a doença para supostamente salvar a economia. No Brasil esse plano não deu certo e os resultados de desemprego e mortes aqui em Canela mostram que essa medida também não esta funcionando por aqui.
No Brasil o numero de vítimas já ultrapassa 120 mil e o PIB publicado ontem (01/09) é de -9,7%. Canela já soma 18 mortes e o desemprego chegou a um índice de -10,1%, com um saldo negativo de 860 empregos nos primeiros sete meses do ano

A reflexão que queremos passar é: tu realmente precisa ir pra bares e restaurantes? Realmente é preciso ter vida social alem do essencial em plena pandemia?

Para essa reflexão precisamos nos perguntar se temos empatia pelo próximo. Senão pelo próximo como pregava Jesus, pelos familiares e amigos.

É excelente e satisfatório uma janta com os amigos. Mas tu sabe realmente se todos os convidados se cuidaram e com quem eles conviveram nos últimos dias? Tu pode usar mascara e fazer uso frequente de álcool em gel, estar sempre que possível lavando as mãos e mantendo distancia social no trabalho. Mas se um dos teus convidados não teve o mesmo cuidado, pode colocar todos os envolvidos nesse churrasco, alem dos familiares dos convidados em risco.

O mesmo vale para os frequentadores de bares, pub’s e restaurantes. Tu realmente precisa ir? Tu sabe se todos ali estão respeitando as normas de segurança?

Medidas mais rígidas para inibir a população de frequentar esses estabelecimentos não serão tomadas. Apenas se os hospitais colapsarem.
Hoje (02/09) a macro-região da Serra esta com a taxa de ocupação em 77,4%.

Se não compartilharmos da empatia pelo outro, estamos condenados a aceitar mais mortes que poderiam ser evitadas. A consequência delas é um poder publico irresponsável e a falta de noção da população.

Veja também

CANDIDATOS IGNORAM A COVID EM CANELA

Quem já viu ou ouviu as lives dos candidatos a prefeito e da maioria dos …