OPERAÇÃO “TROCA-TROCA” DEFRAUDA ELEITORES EM CANELA

Por Ricardo Soncin (*) – O Jornal de Gramado publicou no dia 24/12 a composição do secretariado do Poder Executivo de Canela para administrar a cidade nos próximos quatro anos. Não foi uma surpresa que o prefeito eleito Constantino Orsolin escolhesse para ocupar secretarias três vereadores eleitos pelo voto popular. Na sua gestão anterior funcionou da mesma forma: retirando dois dos vereadores eleitos para ocupar secretarias e colocando em seu lugar dois suplentes que submissamente atendiam com seus votos, as orientações do Orsolin.

A atitude do prefeito eleito é uma marca registrada da medíocre política brasileira, que atropela a ética ao ignorar a vontade do eleitor, que fez  sua escolha por um vereador que representasse seu pensamento e suas expectativa no Legislativo.

A atitude dos três vereadores eleitos para o legislativo, e defraudaram ao eleitor aceitando o convite é de uma falta total de lealdade, demonstrando um interesse imediatista e desnudando sua ambição por cargos. Se esse era o projeto, se os candidatos já estavam previamente escolhidos para ocupar esses cargos, porque concorreram à eleição tirando o espaço de outro possível postulante, que tal vez legislasse por primeira vez, e pudesse contribuir para diminuir a mediocridade que cronicamente prevalece na Câmara de Vereadores de Canela?

A atitude dos partidos a que esses vereadores eleitos se reportam, é condenável por terem endossado a posição de seus representantes, numa clara demonstração de abandono do eleitor.

A atitude da mídia é omissa por não ter sequer comentado a consequência de esta conhecida “operação troca-troca” que desmoraliza ainda mais o perfil da política brasileira.

A atitude do eleitor é triste e como sempre fica nas sombras, não tem recurso legal para reclamar de quem anulou seu voto, e indiferente por não poder, ou não saber, como elevar sua voz. Lamentável, que nós cidadãos, sejamos tratados como mansos cordeiros nas mãos desses lobos.

“Um político divide os seres humanos em duas classes: Instrumentos e inimigos” Friedrich Nietzsche

(*) Ricardo Soncin – médico veterinário residente em Canela desde 2009