ESGOTO: a bomba relógio que ameaça Canela

Nós canelenses convivemos com uma ameaça que vai mudar nosso estilo de vida, se nada for feito. É difícil enxergar o problema. Mais fácil sentir o seu péssimo cheiro.  Mas do jeito que as coisas estão indo, não vai demorar muito para que a bomba do esgoto acabe explodindo em nossas ruas e calçadas. A cidade cresce vertiginosamente movida por interesses imobiliários e da indústria do turismo, mas infelizmente a infraestrutura de esgotos não acompanha o mesmo ritmo.

O déficit de saneamento básico é cada vez maior enquanto a prefeitura, empresas e autoridades judiciais se responsabilizam mutuamente pela crise no esgoto de Canela, diante de uma população perplexa porque desconhece a gravidade do problema e não pode reclamar suas necessidades e direitos. Na verdade, a desinformação é a grande arma usada para manter os canelenses fora da busca de soluções para a ameaça de um  colapso no sistema de esgotos na cidade.

Nossa saúde futura está ameaçada pela possibilidade concreta de contaminação da água que bebemos e a proliferação de doenças como a hepatite, que já é endêmica em bairros pobres na periferia de Canela. Nossos negócios e empregos também correm risco se a situação sanitária do município começar a assustar turistas e visitantes. 

Está cada dia mais difícil entender o que está acontecendo na área do saneamento básico em nossa cidade. Por isto, nós do Te Liga,Canela! , decidimos  dar à questão do esgoto, a mesma importância que demos à possível contaminação da água que bebemos por resíduos químicos venenosos. 

Vamos oferecer dados, opiniões e propostas dos diferentes atores envolvidos na polêmica do esgoto para que a população possa avaliar o que está acontecendo e cobrar da Prefeitura, da Câmara de Vereadores, da Corsan – empresa concessionária, da Justiça e das associações comunitárias quais são as soluções mais eficientes, baratas e menos prejudiciais ao meio ambiente.

Canela já foi uma cidade modelo em saneamento, mas agora está à beira de um colapso sanitário de consequências imprevisíveis. Leia,  comente e participe com perguntas sobre os temas e dados que publicaremos. Nossa missão é recolher e distribuir informações. A sua, leitor canelense e visitante, é usar nossos dados para defender suas propriedades,  seu emprego e seus investimentos na cidade.

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.
Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google